O que é isso, afinal?

Todos os que me conhecem um pouco mais de perto sabem que eu tenho opiniões bem fortes acerca das obras e dos temas que eu me interesso. Entre meus amigos mais chegados algumas discussões vão e voltam sem parar: “seriam os filmes da Marvel arte?”, “o Karnal não é um saco?”, e esse tipo de coisa. Defendo meus pontos com muita, muita tinta e isso é até meio chato.

Decidi, portanto, criar um blog pra que isso fique ainda mais insuportável. Inspirado por um blog que eu gosto bastante e com o qual eu vou dialogar bastante, que é o Dentro da Chaminé, decidi que eu precisava de um espaço próprio pra escrever esse tipo de baboseira que eu penso vendo uma série, um filme ou lendo alguma coisa da famigerada “cultura pop”.

Me apresentando, um pouco, então: meu nome é Gabriel, estou na casa dos 20 anos. Estou no final do curso de História, pensando o que fazer ao final (provavelmente seguirei em mestrado e numa outra graduação, em Filosofia). Às vezes meus textos são verborrágicos e circulares demais,  e praticá-los não seria uma má ideia – outro motivo pra fazer esse blog.

Também disponibilizarei esse espaço para companheiros, amigos, colegas e, principalmente, colaboradores: pessoas da minha vida que, seja no dia-a-dia, seja ocasionalmente, me fazem companhia e deixam meus dias com um pouco mais de cor.

Tenho um outro projeto, o GizCast: lá eu e meu colega Caio tratamos do tema de Educação em suas mais diversas problemáticas. Postamos textos e gravamos podcasts que envolvam o tema. O Paideia é um lugar onde quero fugir um pouco do tema da educação – mas vou buscar repostar aqui os textos que postarei lá.

É isso. Até logo.

Anúncios